Quarta-feira, 31 de Outubro de 2007
Hoje Sinto-me só...

  

      Hoje sinto-me só.

     Tento não pensar nisso... Sento-me no chão de madeira do quarto, entre um móvel e outro, entalada entre dois instantes. Encolho-me no pequeno espaço, mais que o necessário, menos do que o desejável. Enrosco-me em mim mesma e, por um segundo, o tempo pára, nada muda, nada avança, nada existe. Mas um novo momento nasce ao som d’uns familiares acordes vagabundos que se propagam agora pelo ar, essência da melodia sofre reverberação em cada partícula da minha. Mais um compasso e pego num livro de poesia errante pelo chão, a sua capa é acariciada pelas minhas mãos, as suas letras são vistas pelos meus olhos, a sua alma é decriptada pela minha.

    Sinto-me só e nem a doçura  de cada nota da música que me invadiu, nem a agrura de todas as páginas do livro que invadi mudam isso.

 

      Hoje sinto-me só, sinto-me fria, sinto-me confusa, mas hoje não me quero importar com isso.

 

 

By Sophia

 

   

 

  

Algures impresso no livro:

 

 

EU...
 
 
Eu sou a que no mundo anda perdida,
Eu sou a que na vida não tem norte,
Sou a irmã do Sonho, e desta sorte
Sou a crucificada... a dolorida...
 
Sombra de névoa ténue e esvaecida,
E que o destino amargo, triste e forte,
Impele brutalmente para a morte!
Alma de luto sempre incompreendida!...
 
Sou aquela que passa e ninguém vê...
Sou a que chamam triste sem o ser...
Sou a que chora sem saber porquê...
  
Sou talvez a visão que Alguém sonhou,
Alguém que veio ao mundo p'ra me ver,
E que nunca na vida me encontrou!

Florbela Espanca

 

 

 

Algures ainda a Pairar no Ar:

  

Learn to Be Lonelly (from the Phantom of the Opera)

 

   


publicado por **** às 01:17
link do post | comentar | favorito
|

2 comentários:
De **** a 1 de Novembro de 2007 às 12:01
Fico contente por saber que partilhamos mais do que pensamentos e ideias. Partilhamos sentimentos e forma de estar... mas mais ainda partilhamos os versos da poetisa. Adoro esse poema... Dos mais belos que ela tem.

Ontem sentia-me só... Hoje renasci. Sou feliz outra vez.


De João a 1 de Fevereiro de 2010 às 14:26
http://queroconhecerte.blogspot.com/


Comentar post

.mais sobre nós
.Tempus Fugit...
Fugit irreparabile tempus! Sophia
.Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.There's always something left to be said...
Sophia
.posts recentes

. Is it Still "The Beginnin...

. O tango Inacabado - IV

. O tango Inacabado - III

. O tango Inacabado - II

. O tango Inacabado - I

. in 6 words...

. Antiquitera (XIV) - Epílo...

. Antiquitera (XIII)

. Antiquitera (XII)

. Antiquitera (XI)

. Antiquitera (X)

. Antiquitera (IX)

. Antiquitera (VIII)

. Antiquitera (VII)

. Antiquitera (VI)

. Antiquitera (V)

. Antiquitera (IV)

. Antiquitera (III)

. Antiquitera (II)

. Livro Ilegível

.arquivos

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.count
atlanta listings
.pesquisar
 
.Faz-nos Pensar...
Citação: "Love all, trust a few." Autor: William Shakespeare Citação: Judge your success by what you had to give up in order to get it. Autor: H. Jackson Brown, Jr. Citação: Keep your friends close and your enemies closer. Autor: Attributed to Sun Tzu,
.links
.subscrever feeds