Segunda-feira, 17 de Março de 2008
Antiquitera (II)

  

    “Uma abafada lufada de ar quente arrancou-a do estado de letargia que a ociosa observação das sôfregas movimentações da tripulação dum dahabeeyah que atravessava a primeira comporta do Heptaestádio - com a alvura das velas recolhida num emaranhado de cordas e roldanas - a mergulhara. Os indeléveis traços dum saudosismo inusitado das robustas embarcações que povoam os mares tempestuosos, frios, nórdicos duma primeira infância longínqua dissiparam-se no clima fervilhante do porto. Misturavam-se as gentes numa confusão de linhos, algodões e napa, hibridavam-se os cheiros de cada canto do mundo que se prendiam à pele dos transeuntes, fundiam-se todos os idiomas conhecidos mais os que eram criados ali mesmo na marginal da mais povoada cidade do mundo. Ela, num esforço inaudito para não se dispersar, procurava a figura esguia do brilhante homem letrado cujo nome – Hiparco - havia lido até à exaustão, patente num maravilhoso conjunto de prometedoras obras que a haviam acompanhado nas últimas luas. Tentava ainda a custo repudiar o sentimento de admiração que a poderia distrair da tarefa da qual havia sido incumbida, quando finalmente o viu, de olhos aéreos perscrutando a multidão.

      Arranjou a túnica deixando propositadamente uma das alças escorregar-lhe pelo ombro, desnudando o início dum colo prometedoramente alvo, apertou entre os dedos finos o rolo de papiro que sabia valer mais que a sua vida, sentindo na palma a sua textura reconfortantemente rugosa, e esticou outro braço no sentido do ombro do homem cuja nuca povoada de caracóis negros a fitava, desprendendo-se do frágil gancho, numa outra lufada, uma madeixa quase da cor do sol poente e da chama que tomara o seu lugar no Farol de Alexandria...”

  

                         by Sophia

     

  

V.A.D. e Sophia em Antiquitera

Imagem: Alexandria

(http://cache01.stormap.sapo.pt/fotostore02/fotos//15/00/8d/1830631_BmZYl.bmp)

  



publicado por **** às 15:00
link do post | comentar | favorito
|

4 comentários:
De Sonia a 17 de Março de 2008 às 18:51
gostei mt da descrição. parece ke estavas lá!
bjs


De Sophia (do Flip Side) a 17 de Março de 2008 às 19:47
Com muita pena minha realmente não estava lá... mas adorava ter estado nesta cidade durante a sua época áurea, altura em que para lá convergiam todas as culturas do mundo conhecido numa convivência espantosamente enriquecedora.

Obrigada pelo comentário.
Beijos


De V.A.D. a 18 de Março de 2008 às 02:36
Amiga, sempre achei fabulosa, a tua escrita. Plena de descrições lindíssimas, consegue envolver-nos na acção, como se estivéssemos presentes e sentíssemos o mesmo que a protagonista sente!

Já não me surpreendo com a qualidade, mais do que evidente. Agradeço-te teres aceite o meu convite para esta parceria...!

Desejo-te uma noite agradabilíssima!

Um beijo e um enormeeeeeeee sorriso... :-)


De Sophia (do Flip Side) a 20 de Março de 2008 às 01:34
"consegue envolver-nos na acção, como se estivéssemos presentes e sentíssemos o mesmo que a protagonista sente" - Nem sei que responder... talvez aconteça isso porque, com menor ou maior geito, realmente quero estar lá presente

Acredita que quem tem mais a agradecer o convite sou eu - nunca teria tido eu a ousadia de dar o primeiro passo, mas não hesitei em aceitar... tenho simplesmente adorado esta parceria.

Beijos
e boa noite


Comentar post

.mais sobre nós
.Tempus Fugit...
Fugit irreparabile tempus! Sophia
.Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.There's always something left to be said...
Sophia
.posts recentes

. Is it Still "The Beginnin...

. O tango Inacabado - IV

. O tango Inacabado - III

. O tango Inacabado - II

. O tango Inacabado - I

. in 6 words...

. Antiquitera (XIV) - Epílo...

. Antiquitera (XIII)

. Antiquitera (XII)

. Antiquitera (XI)

. Antiquitera (X)

. Antiquitera (IX)

. Antiquitera (VIII)

. Antiquitera (VII)

. Antiquitera (VI)

. Antiquitera (V)

. Antiquitera (IV)

. Antiquitera (III)

. Antiquitera (II)

. Livro Ilegível

.arquivos

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.count
atlanta listings
.pesquisar
 
.Faz-nos Pensar...
Citação: "Love all, trust a few." Autor: William Shakespeare Citação: Judge your success by what you had to give up in order to get it. Autor: H. Jackson Brown, Jr. Citação: Keep your friends close and your enemies closer. Autor: Attributed to Sun Tzu,
.links
.subscrever feeds