Sexta-feira, 28 de Março de 2008
Antiquitera (VIII)

      “Rendi-me ao veludo do toque dos primeiros raios da aurora e à doçura da pele de Hiparco. As palmas das suas mãos foram descendo tacteantes pelos meus antebraços, estreitando ainda mais o aperto, aumentado a pressão insinuante do meu corpo nas suas costas. Demoradamente dei-lhe um outro beijo sobre a curva do pescoço, ternamente sentindo, sob os lábios, a pulsação que acelerava e a leve vibração das cordas vocais, num cumprimento matutino onde as palavras do dialecto nórdico comicamente se enleavam na sua incorrigível pronúncia grega. Poucas eram as palavras que lhe havia ensinado e ainda menos as histórias que lhe havia contado sobre a minha anterior vida, tendo todas sido pronunciadas ainda nos últimos dias sob o sol de Rá. Ele cumpria o acordo pronunciado por ambos naquela noite, eu acatava o antigo pacto de silêncio que me pesava mais a cada instante. Eu havia-lhe roubado as horas de luz, invariavelmente passadas no andar de baixo, mergulhando ambos em planos e tabelas, ferramentas e materiais, instrumentos e engenhos, sem lhe dizer para que usaria o mecanismo. Havia-lhe extorquido as de escuridão, repartidas entre o observatório no terraço, estudando os movimentos celestes sem lhe explicar o intuito final, e a cama de dossel, partilhando afectos e desejos sem lhe confessar por quanto tempo mais. Havia-o aproximado da terra que era sua por nascimento, mas furtado-o àquela à qual pertencia, por uma demanda só minha e cuja conclusão penosamente se abeirava.

    Sentindo a minha imobilidade, desfez o abraço, girando sobre si mesmo para encarar a confusão do meu olhar que eu via espelhada no dele. Passou a mão pelos meus cabelos e uniu os seus lábios com os meus, ficando sustidas as dúvidas e o tempo, enquanto, no remoto horizonte, Hélios não afrouxava as rédeas do seu carro e paulatinamente cobria de luz a cidade de Rhodes da mesma forma de havia coberto de carícias a mulher que lhe dera o nome...”

 

    by Sophia 

  

V.A.D. e Sophia em Antiquitera

Imagem: Abraço  (original em http://www.lovelydaniel.com/UserFiles/2007/4/18/47040_375x375.jpg)

 

 
“I could spend my life in this sweet surrender

I could stay lost in this moment forever”

 
Música: I don’t want to miss a thing – Aerosmith

(http://youtube.com/watch?v=0sbQ0hqH9ZU)

 



publicado por **** às 15:00
link do post | comentar | favorito
|

2 comentários:
De emanuela a 29 de Março de 2008 às 00:12
Olá Sophia. Nào podia deixar de vir cumprimentar-te pelo capítulo maravilhoso postado hoje. Achei que a tua escrita( apesar de ser sempre fantástica) hoje esteve mais cheia de sentimentos... Lindo!
Parabéns!
Beijinhos


De Sophia (do Flip Side) a 30 de Março de 2008 às 13:36
E eu não poderia deixar de agradecer as tuas palavras... Só elas já fazem valer o esforço que tive de fazer para contrariar o cansaço de forma a escrevê-lo...

Obrigada por mim e pelo V.A.D. que me tem pacientemente aturado na parceria,

Muitos beijos


Comentar post

.mais sobre nós
.Tempus Fugit...
Fugit irreparabile tempus! Sophia
.Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.There's always something left to be said...
Sophia
.posts recentes

. Is it Still "The Beginnin...

. O tango Inacabado - IV

. O tango Inacabado - III

. O tango Inacabado - II

. O tango Inacabado - I

. in 6 words...

. Antiquitera (XIV) - Epílo...

. Antiquitera (XIII)

. Antiquitera (XII)

. Antiquitera (XI)

. Antiquitera (X)

. Antiquitera (IX)

. Antiquitera (VIII)

. Antiquitera (VII)

. Antiquitera (VI)

. Antiquitera (V)

. Antiquitera (IV)

. Antiquitera (III)

. Antiquitera (II)

. Livro Ilegível

.arquivos

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.count
atlanta listings
.pesquisar
 
.Faz-nos Pensar...
Citação: "Love all, trust a few." Autor: William Shakespeare Citação: Judge your success by what you had to give up in order to get it. Autor: H. Jackson Brown, Jr. Citação: Keep your friends close and your enemies closer. Autor: Attributed to Sun Tzu,
.links
.subscrever feeds